Google+ Badge

Google+ Followers

Se você procura um serviço de tradução português-espanhol profissional e de máxima qualidade, podemos ajudar-lhe...

segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

O PODER DAS PALAVRAS

“O PODER DAS PALAVRAS”
Extraído de COCREAR.-Argentina, reproduzido com autorização.

“O futuro de uma empresa êxitosa está em sua comunicação exitosa” –
Peter Drucker.-

_Existem certos aprendizados que tem um grande impacto em nossas possibilidades e em nossa vida. Por exemplo, quando aprendemos a estar de pé ( como espectadores e como pessoas) temos a possibilidade de olhar de outra altura, podemos caminhar e correr, temos mais agilidade. Não só isso, senão que ao liberar nossos braços e nossas mãos temos inúmeras novas possibilidades a nosso alcance, algo similar acontece com a aquisição da linguagem.

“A Linguagem é mais que um instrumento de comunicação, é um instrumento de comunicação, de identidade, de lazer, que constróí, que limpa.
É um instrumento de pensamento, de reflexão, de critica."
Ivonne Bourdelois

Quando começamos a falar, aprofundamos e ampliamos nossa capacidade de comunicarmos. Com as conversas que mantemos (com outros e conosco) damos senso ao mundo que nos rodeia. Não só o descrevemos, senão que definimos seu significado e o que é possível (e desejável) em nosso presente e futuro, ao aprender a conversar, aprendemos a refletir , a coordenar ações com outros, estabelecer relações harmoniosas, a expressar nossas opiniões e necessidades.

“Grande parte dos problemas de efetividade e sofrimento que enfrentamos no mundo atual (das organizações e na vida pessoal) está relacionado com incompetências que apresentamos na forma de conversar e nos relacionar com o outro” _Julio Olalla.-

Sem embargo, poucos de nós desenvolvemos nossas habilidades conversacionais. Pensamos que ao saber falar, sabemos conversar. Ou ao ter capacidade biológica de ouvir, sabemos escutar a outra pessoa. Geralmente nem em nosso âmbito familiar, nem em nossa educação formal, nos ensinaram a comunicarmos efetivamente.


“O conversar é um modo particular de viver juntos em coordenações do fazer e o emocionar . Por isso o conversar é construtor de realidades. Ao operar na linguagem cambia nossa fisiologia. Por isso nós podemos ferir ou acariciar com as palavras” _ Humberto Maturana.-

Os seres humanos não se comunicam do mesmo jeito que os animais ou as máquinas. Está toda nossa dimensão humana em jogo. Aprender a comunicar não tem a ver com aprender uma técnica, nem uma receita. Sim, em cambio, tem muito a ver com a geração de confiança, com o respeito com o outro e por nós mesmos, com nossas emoções e nossos desejos, com nossos sentimentos e valores.
Pablo Buol.-

“Celebração da voz humana”
“Quando verdadeira, quando nasce da necessidade de dizer, à voz humana não tem quem a pare. Se lhe negam a boca, ela fala pelas mãos, ou pelos olhos, ou pelos poros, ou por onde seja. Porque todos, todinhos, temos algo que falar aos demais, alguma coisa que merece ser pelos demais celebrada ou perdoada"
Eduardo Galeano.

CONTO PARA REFLETIR.

Conta a história que numa oportunidade, um sábio mestre palestrava frente a seu auditório dando valiosas lições sobre o poder sagrado da palavra, e influxo que ela exerce em nossa vida e aos demais.

“O que o senhor fala não tem valor algum” o interpelou um senhor que se achava no auditório.

O mestre lhe ouviu com muita atenção e tão pronto acabou a frase lhe gritou com força...” Fecha a boca estúpido!!! e se senta idiota!!”
Ante a perplexidade das pessoas o aludido se encheu de fúria, soltou alguns impropérios e, quando ficava fora dele mesmo, o mestre levantou a voz e falou “Perdoe senhor, se lhe ofendi , perdoe me. Aceite minhas sinceras desculpas e saiba que respeito a sua opinião, embora estejamos em desacordo.”

O senhor se acalmou e falou “ entendo, e também peço desculpas, aceito que as diferenças de opinião não devem servir para brigar, senão para enxergar outras opções”

O Mestre sorriu e falou-lhe “ Desculpe você que fosse deste jeito, mas assim todos vemos do modo mais claro, o grande poder das palavras. Com umas poucas palavras eu o exaltei, e com outras poucas o acalmei.”

As palavras não são levadas pelo vento, as palavras deixam marca, tem poder e influenciam positiva ou negativamente.
Se procura um serviço de máxima qualidade e profissionalidade, podemos ajudar-lhe